Ceará recebe primeiras Estações Móveis de Tratamento de Água

Folha Belacruzense Noticias | domingo, novembro 12, 2017 |

As primeiras cinco Estações Móveis de Tratamento de Água (ETAs) foram entregues, nesta quinta-feira (9) pelo Governo do Estado do Ceará, em solenidade realizada em Fortaleza. Elas chegam em meio ao colapso financeiro da Operação Carros- Pipa e representam um caminho importante para garantir água de qualidade a comunidades que sofrem, há cinco anos, os efeitos da crise hídrica. Três dos equipamentos serão utilizados pela Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) em águas continentais, para atender as 12.000 cisternas a serem construídas no âmbito do projeto Paulo Freire, que abrange 31 municípios. As outras duas máquinas são destinadas à Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), no tratamento de águas com altos índices de salinidade, inclusive da água do mar para atender os municípios do litoral.

O objetivo da aquisição dessas máquinas foi garantir água potável para famílias das comunidades rurais do Estado em situação de emergência. As máquinas novas foram adquiridas pelo Governo do Ceará em Israel através de convênio, e atendem a processos de dessalinização, descontaminação e purificação da água bruta. Isso foi um desdobramento de convênio assinado, em 2013, em Tel Aviv, entre Governo do Estado, o ministério da Economia de Israel e a Aprece para a instalação de uma fazenda-modelo em Quixeramobim, que será referência de tecnologias sustentáveis de cultivo de alimentos e reuso de água para o semiárido brasileiro.

De acordo com o analista em Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente da Aprece, Nicolas Fabre, levantamento do Comitê Integrado de Combate á Seca no Ceará aponta que a dificuldade de acesso à água de qualidade no Ceará atualmente demandaria 132 equipamentos para atender todo o Estado. “Só em uma semana recebemos telefonemas de 15 gestores querendo saber como ter acesso a essas Estações Móveis de Tratamento de Água”, afirmou, ressaltando a importância de utilização de todas as fontes locais de águas (mar, açudes e subterrâneas), antes de buscar fontes hídricas fora dos limites do município, diminuindo assim os custos deslocamento dos carros-pipas e garantindo o acesso da população à água realmente potável, com qualidade comprovada.

Cada sistema móvel de tratamento de água acompanha três carros pipas: dois com capacidade de 10 mil litros cada e um com capacidade de 6 mil litros, além de uma caminhonete tracionada para rebocar a ETA e apoiar a operação e acessórios necessários ao funcionamento, como caixa d’água e material de análise. “A vantagem desses equipamentos é que eles podem se movimentar para qualquer região do Ceará. É mais um investimento importante, que envolve profissionais treinados e capacitados para operar o tratamento de fontes de água em locais de situação de emergência”, disse o governador Camilo Santana.

A solenidade de entrega foi prestigiada pelo Diretor de Relações Institucionais da Aprece, Expedito José do Nascimento. O evento contou com as presenças do secretário da Casa Civil, Nelson Martins, do secretário do Desenvolvimento Agrário, Dedé Teixeira, e do secretário dos Recursos Hídricos, Francisco Teixeira, do embaixador de Israel, Yossi Avraham Shelley, dentre profissionais da área dos Recursos Hídricos.


Fonte: Governo do Ceará via APRECE

Categoria: , , , , ,