Auxílio-doença pago a 530 mil beneficiarios será revisto pela previdência

Folha Belacruzense Noticias | segunda-feira, julho 25, 2016 |

O governo descobriu que 530 mil beneficiários do auxílio-doença não são submetidos a perícias médicas há pelo menos dois anos - em alguns casos, há décadas. O secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, já aprontou minuta que regulamenta a convocação dessas pessoas para reavaliação. Serão chamados primeiro os que tiverem mais tempo de benefício e menos idade. Também serão periciados 1,2 milhão de aposentados por invalidez menores de 60 anos. O trabalho deve ser concluído até 2018.
O governo diz que cada benefício desnecessário onera o Estado duplamente. O beneficiário recebe o auxílio sem precisar e ainda deixa de trabalhar e contribuir com a Previdência. A portaria entra em vigor até 7 de agosto.


Categoria: , ,