SEDUC estuda metodologias para desenvolvimento de habilidades de gestores escolares no Ceará

Folha Belacruzense Noticias | quinta-feira, abril 28, 2016 |

A Secretaria da Educação do Ceará (Seduc), em parceria com a Fundação Itaú Social, articula-se para implantar o Programa de Tutoria Pedagógica em 26 escolas de tempo integral e em outras 20 unidades regulares da rede. A iniciativa é direcionada para os gestores das unidades de ensino e tem o objetivo de desenvolver oito competências de liderança, consideradas fundamentais para diretores, baseadas em estudos contemporâneos.
As oito habilidades destacadas são: postura; resiliência; comunicação; supervisão e formação da equipe; desempenho dos alunos; solução de problemas; aprendizagem; e gestão. De acordo com a metodologia do programa, o diretor fará uma autoavaliação, a fim de detectar quais competências precisam ser reforçadas em si, e as indicará ao tutor. Juntos, os dois profissionais irão buscar meios de superar as deficiências do gestor, de modo que a administração escolar possa desempenhar seu papel da melhor forma possível.
O líder de uma unidade de ensino precisa saber, por exemplo, como conduzir e motivar sua equipe, incentivando sempre a prática reflexiva no meio escolar. Além disso, necessita ter um plano claro de objetivos e trabalhar para alcançá-los, elaborando diagnósticos continuamente e usando dados de desempenho dos estudantes para orientar as decisões sobre o ensino.


Primeira fase
A perspectiva da Secretaria é observar o funcionamento do programa nas 46 escolas piloto, ao longo do ano de 2016, para então avaliar a possibilidade de universalizar a ação, como uma política de formação de gestores. Conforme explica a coordenadora de Gestão Escolar da Seduc, Elizabete Araújo, a implantação da iniciativa exige personalização no acompanhamento de cada diretor e, portanto, torna-se mais fácil acompanhar um grupo menor de pessoas.
"O programa é implantado através de uma metodologia de cascata. A Fundação Itaú Social fará formação com articuladores de gestão das Credes/Sefor (Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação e Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza), que serão tutores dos gestores escolares. Será um programa de acompanhamento e desenvolvimento dos diretores, e não uma transferência de conteúdo de um para o outro", esclarece Elizabete.
O Programa de Tutoria tem o propósito, ainda, de atuar como articulador dos demais programas existentes na Seduc, a exemplo do Projeto Professor Diretor de Turma, da Escola de Tempo Integral e das Comunidades de Aprendizagem.



Fonte: Assessoria de Comunicação da Seduc


Categoria: ,