Entenda o cálculo do seguro do seu carro

Folha Belacruzense Noticias | quarta-feira, agosto 26, 2015 |

Ao comprar um veículo, o futuro proprietário deve atentar para uma lista de gastos que incluem combustível, manutenções periódicas e o seguro, um dos custos mais altos e mais importantes para um carro ou moto. Entenda quais os fatores que determinam o preço de proteger o seu veículo.
De acordo com a Porto Seguro Auto, a decisão do valor da apólice depende de uma série de variáveis, que são utilizadas pela seguradora para medir a escala de severidade do risco a ser assumido. Entre os fatores relevantes estão o modelo do veículo, região de circulação do risco, perfil do segurado, dentre outras informações.

Segundo a seguradora, o modelo do veículo é um fator determinante na precificação do seguro, já que as taxas são definidas com base na exposição do modelo do veículo dentro da carteira e no resultado de sinistralidade apontado para o mesmo.

Para o diretor executivo de Automóvel da Allianz Seguros, Pedro Pimenta, o modelo é importante, mas não é a condição determinante para o preço do seguro. “O índice de roubo ou furto do veículo em cada região ou o custo de reparo de cada modelo de veículo é considerado no preço do seguro, porém, ao preço final são incluídas outras condições, como a forma de utilização do veículo e perfil do condutor”.

Para definir e avaliar o perfil do segurado, as seguradoras analisam idade, sexo e histórico do cliente. De acordo com Maurício Antunes, diretor de marketing da Corretora de Seguros online Bidu, mulheres pagam até 13% menos que homens no seguro, isso porque as seguradoras consideram que homens costumam dirigir mais rápido e de maneira perigosa, causando mais acidentes.

Ele explica que é essencial analisar se os valores pretendidos nas coberturas realmente atendem as necessidades regionais do segurado. “Em algumas localidades é importante, por exemplo, que a cobertura de danos a terceiros possua uma importância segurada mais elevada, pois existem muitos veículos de alto padrão circulando na região. Esse tipo de contratação implica diretamente no custo do seguro”.

A Porto Seguro Auto explica que itens de segurança no veículo como rastreadores e bloqueadores, por exemplo, podem reduzir o risco de um roubo/furto e consequentemente, a redução do risco impacta no preço.

Já para a Allianz, a instalação de equipamentos de rastreamento no veículo deve ser utilizada em caso muito específico e a seguradora prefere contar com itens de segurança instalados na fábrica do automóvel, tal como freio ABS, que é uma forma de reduzir o risco de acidentes e pode influenciar na precificação do seguro.
(Ingrid Coelho, especial para O POVO)


Categoria: