Municipalização do Trânsito no Ceará é discutida na Assembleia Legislativa

Folha Belacruzense Noticias | quarta-feira, julho 15, 2015 |

As comissões de Viação, Transporte e Desenvolvimento Urbano e de Juventude da Assembleia Legislativa realizaram na ultima sexta feira (10) de julho em audiência pública onde foram debatida a municipalização do trânsito no Ceará. O debate, que atendeu ao requerimento da deputada Rachel Marques (PT), com subscrição do deputado Bruno Pedrosa (PSC), foi realizado no Auditório Murilo Aguiar.
De acordo com o deputado Bruno Pedrosa, o artigo 24 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece que os municípios devem ser responsáveis por fiscalizar as infrações de circulação, estacionamento e parada, além de realizarem campanhas educativas, entre outras atribuições. "A municipalização da fiscalização vai reduzir as mortes e também ajudará na segurança, porque irá liberar a polícia para atuar em questões não referentes ao trânsito", avalia o parlamentar.

O parlamentar reforça ainda que, além de questão de segurança, os acidentes de trânsito são problema de saúde pública. "No mundo, acontece 1,3 milhão de mortes por ano, gerando custo de US$ 518 bilhões. Só no Brasil morrem 117 pessoas diariamente no trânsito, gerando custo anual de R$ 33 bilhões, sendo R$ 187 milhões gastos, anualmente, pelo Sistema Único de Saúde", informa o deputado.

Categoria: